16 de agosto de 2022

BUTTINA GASTROBAR

BUTTINA FUTEBOL AO VIVO E GASTRONOMIA

Secretária da mulher dá 400 perucas a INCAvoluntário

2 min read

Rio de Janeiro, 26 de julho de 2022, por Priscila Lívia — Acompanhe tudo no blog Diário Prime. Secretária da mulher dá 400 perucas a INCAvoluntário. Saiba como essas entregas funcionaram e como isso ajudou a melhorar a autoestima das mulheres que enfrentam o câncer.

Secretária da mulher dá 400 perucas a INCAvoluntário

A princípio a Prefeitura do Rio de Janeiro por meio da secretária da mulher doou 400 perucas para mulheres que estão em combate contra o câncer. Para isso ser realizado foi necessário a união entre várias unidades.

Quem fez as doações?

A empresa Loungerie e Due Comunicação fizeram as doações das perucas. Além disso, o projeto contou com participação de Joyce Trindade representante da Secretária da Mulher e Michele Pin ativista, escritora e madrinha da própria Secretária.

Qual o objetivo das entregar?

O principal objetivo é fazer com que a mulher se sinta confortável nesse momento tão difícil que mexe diretamente com o emocional e a vaidade. Desse modo, a peruca ajuda a amenizar as emoções, mantendo a feminilidade da mulher.

Joyce se manifestou

A Secretária da Mulher fez questão de falar o quanto esse projeto é importante. Portanto, para ela é muito benéfico fazer parte dele, e ajudar essas mulheres com esse suporte que ajuda a manter a autoestima nesse momento tão complicado.

O INCAvoluntário atua de várias formas

O INCA é o Instituto Nacional do Câncer. Atua com diversos projetos que visam trazer qualidade de vida para os pacientes e acompanhantes. Assim, eles trabalham para que os dias sejam mais leves e descontraídos.

Desse modo durante o dia, os voluntários do INCA lutam para dar aos enfermos e acompanhantes um dia com bastante atividades inclusivas, discussões e brincadeiras. Assim, é possível fugir um pouquinho da realizada e aproveitar o dia.

Eles fornecem suprimentos

Atualmente, o INCAvoluntário é responsável por doar cerca de 950 bolsas mensais de alimentos. Assim, os pacientes conseguem se alimentar de forma adequada, e com isso, reunir forças para superar a doença.

Dessa forma para retirar a peruca, o paciente precisa se registrar e apresentar laudo médico. Além de comprovante de quimioterapia e documentos de identificação. Vale ressaltar que também atendemos pessoas com outras condições médicas.

O alimento vem de doações

Por fim, para conseguir alimentar os pacientes o Instituto conta com doações de pessoas físicas e jurídicas. Desse modo, todo projeto tem participação direta de vários indivíduos que lutam diariamente para que vençam a doença com qualidade de vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *